terça-feira, 14 de agosto de 2018

Salário mínimo suficiente para sustentar família tem menor nível de 2018

O salário mínimo “necessário” atingiu em julho o menor valor do ano de 2018. De acordo com o Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), R$ 3.674,77 seriam suficientes para “para suprir as despesas de um trabalhador e sua família com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência”.
O cálculo é feito mensalmente desde 1994 com base no valor da cesta básica mais cara, atualmente a de São Paulo (R$ 437,42), seguida pela de Porto Alegre (R$ 435,02) e Rio de Janeiro (R$ 421,89).
As cestas básicas mais baratas foram verificadas em Salvador (R$ 321,62), São Luís (R$ 336,67) e Natal (R$ 341,09). O custo da cesta básica caiu em 19 das 20 capitais analisadas em julho, com destaque para Cuiabá (-8,67%), São Luís (-6,14%) e Brasília (-5,49%). A única alta foi em Goiânia (0,16%).

OperaçãoTubérculo: prefeito e vereador de Caicó são presos

Uma operação do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) prendeu nesta terça-feira (14) o prefeito de Caicó Robson Batata Araújo (na foto), e o vereador Lobão Filho da cidade e ainda um lobista suspeitos de corrupção ativa e passiva, associação criminosa, tráfico de influência, lavagem de dinheiro e dispensa indevida de licitação.
A operação Tubérculo cumpriu três mandados de prisão, e outros seis mandados de busca e apreensão na cidade seridoense e em Natal. Além de presos preventivamente, o prefeito Robson de Araújo e o vereador Raimundo Inácio Filho foram afastados dos cargos. O lobista Edvaldo Pessoa de Farias teve prisão temporária decretada.
A operação Tubérculo é desdobramento das operações Cidade Luz e Blackout. Ao todo, 12 promotores de Justiça, 22 servidores do MPRN e 28 policiais militares participaram da operação Tubérculo. Os gabinetes do prefeito e do vereador foram alvos dos mandados de busca e apreensão.

Socorro a estados e municípios custará R$ 90 bilhões

O socorro financeiro do governo federal ao pagamento dedívidas de estados e municípios com a União terá um impacto de R$ 90,3 bilhões nas contas públicas ao longo de três anos, de 2017 a 2019.
O valor corresponde a quase duas vezes o que foi gasto em investimentos em 2017 (cerca de R$ 46 bilhões), algo crucial para a retomada da economia.
As informações da Secretaria do Tesouro Nacional constam de relatório de auditoria da dívida pública do Brasil realizada pelo TCU (Tribunal de Contas da União).

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Tá ficando tudo AZUL

O PSD aderiu de vez ao azul nessa campanha farjuta de reeleição do então governador Robinson Faria.

Esqueceram o Rosa, que inclusive aqui em Arei Branca, marcou bastante a campanha passada, surgiu até uma denominação para os eleitores da época, Os Pink´s

Mas parece que não foi só Robinson Faria não que usou a cor AZUL nesses dias.

Esse negócio virou mais marcação de território, cada um que inventa cores para ter motivos de gastar o dinheiro público em fachadas dos prédios do município.

 Hospital de Areia Branca
 Caís Tertuliano Fernandes

Estudo de Alternativas de Sistemas Adutores para a região do Seridó Potiguar será apresentado em Currais Novos

Nesta terça-feira (14), será apresentado na cidade de Currais Novos o Estudo de Alternativas de Sistemas Adutores para a região do Seridó Potiguar. De acordo com Paulo Lopes Varella Neto, presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica dos Rios Piancó-Piranhas-Açu, o objetivo do estudo é garantir suprimento de água para o consumo humano e atividades produtivas envolvendo todos os municípios da região.
A apresentação tem início previsto para as 08h30 no auditório Associação dos Municípios da Microrregião do Seridó Oriental – AMSO, que funciona na Avenida Teotônio Freire, nº 1296 – Bairro JK em Município: Currais Novos.
Quem desejar informações basta contatar o Centro de Apoio do CBH-PPA, através do seu Coordenador, Sr. Emídio Gonçalves de Medeiros, pelos telefones: (84) 3417-2948 e 98896-1840 ou pelo endereço eletrônico coordenador-cbh-ppa@adese.com.br, ou o Sr. Marcone de Medeiros Nunes, Secretário, através dos telefones (84) 3417-2948 e 98896-1839 ou pelo endereço eletrônico secretario-cbh-ppa@adese.com.br.

PIS/Pasep começa a ser liberado nesta terça-feira

As cotas do PIS/Pasep começaram a ser liberadas nesta terça-feira (14) para pessoas de todas as idades, que trabalharam de 1971 a 1988 com a carteira assinada.
PIS
Quem quiser consultar o saldo do PIS deve entrar no site da Caixa Econômica Federal. Valores até R$ 1.500 podem ser retirados nos terminais de autoatendimento do banco, mas é preciso ter a Senha Cidadão. Para tirar o dinheiro em uma casa lotérica ou correspondente Caixa Aqui, é necessário mostrar o Cartão Cidadão e um documento com foto. Se o valor for acima dos R$ 3 mil, o beneficiário deverá se encaminhar até uma agência, e apresentar um documento de identidade.
PASEP
Já o Pasep é pago pelo Banco do Brasil, e pode ser consultado no portal da instituição financeira. É preciso apresentar um documento de identidade com foto nas agências bancárias para retirar o dinheiro. Caso o valor seja de até R$ 2,500, o banco permite que o dinheiro seja transferido para outro banco via TED. Neste caso, o BB não cobra pela operação.

Três anos depois de lei, 70% das domésticas estão na informalidade

Quase três anos depois de entrar em vigor a lei que garantiu todos os direitos do trabalhador às domésticas, 70%delas estão na informalidade.
Desde outubro de 2015, quando passou a ser obrigatório o recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), as domésticas sem carteira assinada passaram de 4,2 milhões para 4,4 milhões, segundo dados do IBGE.
A implementação da lei coincidiu com o início da recessão, impedindo a formalização de muitas dessas trabalhadoras.

Flávio Rocha com Jair Bolsonaro

Flávio Rocha, ex-presidente da Riachuelo e cuja família controla o grupo Guararapes, desistiu da candidatura à Presidência pelo PRB e se tornou cabo-eleitoral de Jair Bolsonaro (PSL).
Não chega a ser surpreendente a adesão de Rocha. Ele estreou na vida pública em 1986, elegendo-se deputado federal pelo PFL no Rio Grande do Norte. Migrou para ao PL e dali saltou para o PRN de Fernando Collor, reelegendo-se deputado em 1990, e foi um dos escudeiros do exótico presidente.
Convenham: as coisas fazem sentido. Collor chegou ao governo tendo de criar uma maioria no Congresso e sem saber direito para que lado atirar. Deu no que deu. Rocha quer bis.

sábado, 11 de agosto de 2018

Policiais e Bombeiros Militares se reúnem em assembleia para discutir atraso do 13º salário de 2017

Os policiais e bombeiros militares estaduais, oficiais e praças, estão convocados para Assembleia Geral Unificada que acontecerá na segunda-feira (13), às 15h, no Clube Tiradentes, sede da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN), no bairro do Alecrim em Natal.
A reunião tem como pauta principal o atraso no pagamento do décimo terceiro salário referente ao ano de 2017. Ainda em fevereiro, o Governo do RN anunciou que o décimo terceiro de 2017 seria pago de forma escalonada. Posteriormente, ficou decidido que a divisão ocorreria por faixa salarial até o mês de junho. Porém, os pagamentos não foram cumpridos na totalidade e não alcançaram os militares estaduais.
“Estamos cansados de promessas. Nesta Assembleia vamos discutir ações concretas para reivindicar nosso direito de receber o benefício”, ressalta a subtenente Márcia Carvalho, presidente em exercício da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN. Além do pagamento do 13º salário, será discutido também sobre as demandas não efetivadas do Termo de Compromisso firmado em janeiro deste ano.

Especialista descarta possibilidade de renovação política em outubro

Os resultados das eleições de outubro podem frustrar quem espera mudanças na política nacional. Partidos hegemônicos e políticos tradicionais tendem a se beneficiar de um sistema eleitoral que é pouco permeável à renovação, diz o economista e doutor em direito Bruno Carazza.
Autor do livro Dinheiro, Eleições e Poder, Carazza destaca que as campanhas são caras e que, como já ocorreu em outros pleitos, o financiamento contará com dinheiro ilegal de empresas – em esquemas já vistos nas investigações da Operação Lava Jato. Até mesmo o dinheiro lícito, disponível no fundo de assistência financeira aos partidos políticos e no fundo de financiamento eleitoral, será usado pelos dirigentes partidários para se reelegerem.

Canal do São Francisco se rompe em Salgueiro


Um canal do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco, que fica entre os municípios de Terra Nova e Salgueiro, no Sertão de Pernambuco, rompeu neste sábado (11/08/2018). A obra da terceira estação de bombeamento do Eixo Norte (EBI-3) foi entregue no dia 3 de agosto pelo presidente Michel Temer. De acordo com o Ministério da Integração, há evidências de que tenha sido um ato criminoso.

Se for candidato, Haddad não poderá usar arrecadação de ‘vaquinha’ de Lula

A arrecadação virtual para a campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nas eleições 2018 superou os R$ 500 mil, mas o dinheiro não poderá ser usado por Fernando Haddad, candidato a vice, caso o ex-prefeito venha a ser alçado à cabeça da chapa.
Segundo o TSE, as “vaquinhas virtuais” só poderão ser usadas pelo próprio candidato. Se o PT registrar outra candidatura que não a de Lula até quarta, terá de devolver o dinheiro aos doadores, como rege resolução da Corte.

Flávio Rocha nega que tenha declarado apoio a Bolsonaro

O empresário Flávio Rocha, dono das lojas Riachuelo, negou que tenha declarado apoio ao candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL). A negativa ocorreu diante de especulações que passaram a circular na internet após um encontro de Rocha com ocandidato na manhã de ontem (10).
Ele, porém, confirmou que esteve com o presidenciável e que vai ouvir outros candidatos. “Cumprindo meu dever como eleitor…. ouvindo os principais candidatos! Meu apoio incondicional ao empreendedorismo, livre mercado e acima de tudo amor ao meu Brasil”, declarou

Michel Temer vai analisar reajuste de salários do STF

O presidente da República, Michel Temer, preferiu a cautela nesta sexta-feira (10) ao ser perguntado sobre o reajuste dos ministros do Supremo Tribunal Federal que, se confirmado pelo Senado, pode elevar o teto constitucional para R$ 39 mil.
“Isto é uma coisa que o Congresso vai analisar ainda, está começando a ser debatido. Quando chegar nas minhas mãos, se chegar, eu analiso”, disse.

quarta-feira, 8 de agosto de 2018

80% dos parlamentares do RN querem reeleger-se em 2018

Nas eleições 2018, os potiguares vão eleger 34 parlamentares, seus legítimos representantes na Assembleia Legislativa e no Congresso Nacional. Das candidaturas homologadas em convenções partidárias, 27 são de reeleição, o que corresponde a 80% das postulações. Dentre os demais, quatro são mandatários buscando novas posições.
A conta é simples. O Rio Grande do Norte conta com 24 deputados estaduais, oito deputados federais e três senadores, dos quais dois serão escolhidos este ano. Somando todos, são 34 parlamentares.
No Congresso Nacional, cinco dos oito deputados federais atuais são candidatos à reeleição. São eles: Walter Alves (MDB), Rafael Motta (PSB), Beto Rosado (PP), Fábio Faria (PSD) e Rogério Marinho (PSDB). Entre os senadores, Garibaldi Alves Filho (MDB) vai tentar reeleição.
Da bancada federal, quem não busca reeleger-se são os deputados federais Zenaide Maia (PHS) e Antônio Jácome (Podemos), mas porque se lançaram candidatos ao Senado Federal.
O senador José Agripino Maia (DEM) quer fazer o caminho inverso, do Senado para a Câmara, contando com o apoio do seu filho, o deputado federal Felipe Maia (DEM), razão pela qual ele não vai tentar permanecer no cargo.
Na Assembleia Legislativa, dos 24 deputados estaduais, 21 são candidatos à reeleição. Só ficaram de fora Fernando Mineiro (PT), que tentará assumir cadeira na Câmara dos Deputados, Dison Lisboa (PSD) e José Adécio (DEM). Este, porém, vai lançar o filho, Gustavo Costa (PSD).
Quando somados os que querem reeleição e os que pretendem ocupar novo cargo a partir de 2019, o número cresce de 80% para 91%.