sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Datafolha: Moro tem aprovação de 54% e entre os ministros é o mais conhecido para 94% dos entrevistados

Pesquisa Datafolha divulgada na quinta-feira, 5, pelo jornal “Folha de S.Paulo” mostra as taxas de aprovação dos ministros (soma de “ótimo” e “bom”) do governo Jair Bolsonaro (PSL):
– Sérgio Moro (Justiça e Segurança Pública): 54%
– Paulo Guedes (Economia): 38%
– Tarcísio Freitas (Infraestrutura): 36%
– Ricardo Salles (Meio Ambiente): 30%
– Abraham Weintraub (Educação): 29%
Em julho, o Datafolha apontou que a aprovação de Moro era de 52%. Na terça-feira, 3, foi divulgada outra pesquisa do instituto que mostra as taxas de aprovação do governo Bolsonaro. Dos entrevistados, 29% avaliaram o governo como bom/ótimo, enquanto 30% avaliaram como regular e 38% como ruim/péssimo. 2% dos entrevistados não sabem/não responderam.
Quem mais apoia Moro e Bolsonaro
Brancos
Moro: 60%
Bolsonaro: 36%
Evangélicos
Moro: 61%
Bolsonaro: 37%
Moradores do Sul
Moro: 64%
Bolsonaro: 37%
Quem menos apoia Moro e Bolsonaro
Estudantes
Moro: 38%
Bolsonaro: 19%
Moradores do Nordeste
Moro: 40%
Bolsonaro: 17%
Desempregados que procuram emprego
Moro: 45%
Bolsonaro: 18%
Ministros mais conhecidos
A pesquisa do Datafolha divulgada na quinta mostra ainda a taxa de conhecimento dos nomes dos ministros:
– Sérgio Moro (Justiça e Segurança Pública): 94%
– Paulo Guedes (Economia): 81%
– Tarcísio Freitas (Infraestrutura): 37%
– Ricardo Salles (Meio Ambiente): 52%
– Abraham Weintraub (Educação): 31%
Sobre a pesquisa
Margem de erro: 2 pontos percentuais para mais ou para menos
Entrevistados: 2.878 pessoas com 16 anos ou mais em 175 municípios
Quando a pesquisa foi feita: 29 e 30 de agosto
Nível de confiança: 95%
Contratante da pesquisa: “Folha de S.Paulo”
Com informações G1 SP

quinta-feira, 5 de setembro de 2019

Tremor de magnitude preliminar 2.7 é registrado nesta quinta-feira no RN, no município de Caraúbas

Nesta quinta-feira(05), às 03:37 UTC (00:37, hora local) um novo tremor foi sentido em Caraúbas(município distante 296 km de Natal), desta vez de magnitude preliminar estimada em 2.7 e foi registrado por diversas estações da Rede Sismográfica Brasileira (RSBR) operadas pela UFRN.

Esse evento foi sentido na sede do município e, principalmente, em diversas localidades ao norte. O Laboratório entrou em contato com o Coordenador de Defesa Civil de Caraúbas, Sr. Ricardo Adriano, e, segundo ele, há informações de que esse sismo teria sido sentido mais forte no Assentamento Petrolina, onde foi ouvido um estrondo e a terra tremeu. Segundo notícias de site de Caraúbas, além do estrondo e do tremor, objetos sobre geladeira chegaram a ser derrubados e, na localidade de Petrolina, “o tremor foi muito forte, as casas se estalaram tudo”.
O mapa de localização epicentral está mostrado na Figura 1.
Essa atividade vem sendo registrada há algum tempo, tendo vários eventos sido sentidos pela população. Como sempre afirmamos nesse tipo de situação é impossível saber como a atividade sísmica em Caraúbas vai evoluir. No entanto, o LabSis/UFRN vem mantendo um monitoramento permanente dessa atividade visando obter dados que permitam informar a sociedade sobre o que realmente está ocorrendo na região e que servem para orientar ações de Defesa Civil.

DNIT suspende licitação para obras nas BRs do RN

A Superintendência Regional no Rio Grande do Norte do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes suspendeu a licitação de R$ 48,6 milhões que estavam previstos para para serem aplicados em uma série de intervenções em todas as rodovias federais que cortam o Estado. As informações são do Blog do jornalista Dinarte Assunção.

A suspensão deve estar ligada aos cortes no orçamento, promovidos pelo Governo Federal. O DNIT é subordinado ao Ministério da Infraestrutura, uma das pastas afetadas pelos cortes. Seriam beneficiadas as rodovias BRs 101, 110, 226, 304, 405, 406, 427, 437, por onde escoa a produção do estado.

As 167 intervenções, mobilizariam unidades da pasta em Mossoró, Currais Novos, Macaíba e Pau dos Ferros.

Governo vai investir R$ 13 milhões para recuperar e sinalizar principais rodovias do RN

A governadora Fátima Bezerra lançou nesta quinta-feira, 05, plano para recuperação da malha viária estadual. O objetivo é recuperar as principias rodovias do Estado até o final do ano. Os trabalhos serão feitos não apenas com operação tapa buracos, mas executar a manutenção permanente por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER).
Serão investidos R$ 13 milhões, recursos são provenientes da arrecadação de multas pelo Detran. Deste total, R$ 8 milhões serão empregados nas estradas propriamente e R$ 5 milhões na sinalização. “Há dez anos não havia investimento na sinalização. Estamos devolvendo os recursos das multas à sociedade, aplicando na melhoria das estradas e na sinalização, o que vai garantir condições regulares de trafegabilidade e mais segurança para todos”, afirmou a governadora. Fátima Bezerra também destacou que “estradas em boas condições promovem o desenvolvimento econômico viabilizando o transporte de mercadorias e pessoas, o escoamento da produção e estimulam o turismo pela facilidade de acesso”.
As estradas com maior tráfego nos sete distritos rodoviários do Estado – em todas as regiões – serão as primeiras a receber os serviços. Segundo o diretor do DER, Manoel Marques, dos mais de 3 mil quilômetros da malha estadual, 1.200 estão em condições regulares de trafegabilidade.
“Existe uma diferença entre o que foi feito em gestões anteriores e o que vamos fazer agora. O plano de conservação não ficará restrito apenas ao tradicional tapa-buracos. Vamos fazer ainda a capinação dos acostamentos, limpeza dos canais de drenagem e manter um programa de manutenção preventiva nas estradas recuperadas”, explicou Manoel Marques.
O secretário de Estado de Infraestrutura, Gustavo Coelho disse que o órgão fez um levantamento completo das rodovias estaduais, identificou as necessidades e prioridades. O diretor geral do Detran, Jonielson Oliveira explicou que a manutenção das estradas traz mais segurança e qualidade ao tráfego e que garantir sinalização eficiente é parte do trabalho do órgão.
Durante as obras o DER vai sinalizar o eixo central das rodovias para dar maior segurança aos motoristas e indicar os locais de ultrapassagem permitida e proibida.
Nos primeiros meses do ano, o DER investiu R$ 6,3 milhões nas rodovias estaduais com recursos da Contribuição de Intervenção sobre o Domínio Econômico (CIDE). Este valor, entretanto, foi suficiente apenas para atender 45% das obras necessárias.

Henrique Alves nao teria espaço com Bolsonaro

Se o ex-deputado federal e ex-ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves não estivesse afastado da vida pública faria campanha política contra o presidente Jair Bolsonaro. Por motivos óbvios. É Ficha Suja.
Já o MDB do Rio Grande do Norte, que ele um dia comandou, está se alinhando com o presidente e conseguindo a liberação de emendas para o RN.

Grupo político de Nelter Queiroz esfacelado em Jucurutu (RN)

O grupo do deputado estadual Nelter Queiroz está esfacelado em Jucurutu. Ele não conseguirá juntar num mesmo palanque os ex-prefeitos Luciano Lopes e Júnior Queiroz.
Agora mesmo perdeu o apoio do líder, Juarez Garcia.
O atual prefeito e Ex-Liso, Valdir Medeiros, que é candidato à reeleição, só fica de “mutuca“.

domingo, 16 de junho de 2019

Governo paga 79,5% do funcionalismo nesta segunda-feira; o restante recebe no próximo dia 28

O Governo do Estado inicia o pagamento de junho com o depósito de pouco mais de R$ 217 milhões na conta de 79,54% do funcionalismo estadual nesta segunda-feira, 17. Os outros 20,46% também receberão dentro do mês trabalhado, no próximo dia 28 de junho.
Os R$ 217 milhões injetados na economia potiguar nesta segunda correspondem ao salário de quem recebe até R$ 4 mil (valor bruto) e 30% do salário dos servidores que ganham acima desse valor, além do pagamento integral à categoria da Segurança Pública.
No próximo 28 de junho recebem o salário integral os servidores das pastas com recursos próprios e da Educação, além dos 70% restantes de quem ganha acima de R$ 4 mil, concluindo a folha de R$ 438 milhões do mês de junho.
Também nesta data será pago a segunda parcela do décimo terceiro de 2017 aos 15% ou 1.257 inativos e pensionistas restantes que ganham acima de R$ 12 mil (valor líquido).

XP/Ipespe: 47% não mudaram percepção sobre Lava Jato após vazamentos; Moro continua o melhor avaliado

As conversas atribuídas ao ministro Sergio Moro e integrantes da Lava Jato que dominaram o noticiário político desta semana não alteraram a percepção de grande parte da população sobre a Operação Lava Jato.
É o que mostra a edição da pesquisa XP/Ipespe, realizada entre os dias 11 e 13 de junho. Foram feitas 1.000 entrevistas telefônicas com eleitores de todas as regiões do País.
A maioria dos ouvidos, 77%, afirmou ter tomado conhecimento do episódio, ante 23% que afirmaram não saber do assunto.

Para 47%, o evento não altera a percepção sobre a Lava-Jato. Já para 11%, o acontecimento pode alterar a percepção para melhor, e para 31%, há impacto negativo.


Na avaliação de 44% dos ouvidos, a Lava Jato não cometeu excessos em sua atuação até o momento enquanto que, para outros 14%, a Operação se excedeu, mas acham que o resultado “valeu a pena”. Por outro lado, cerca de 30% avaliam que houve excessos e que, por isso, decisões precisariam ser revistas.
O ex-juiz, que segue como a personalidade mais bem avaliada entre as 12 testadas, recebeu nota média de 6,2, em uma escala de 0 a 10, ante 6,5 em maio. O presidente Jair Bolsonaro manteve sua nota média de 5,7, sendo a segunda personalidade mais bem avaliada. Paulo Guedes, ministro da Economia, aparece na terceira posição, com nota média 5,5.

quarta-feira, 12 de junho de 2019

Hospital Wilson Rosado ameaça suspender serviços do SUS


O Hospital Wilson Rosado, em Mossoró, informou que vai suspender o atendimento da UTI pediátrica e as cirurgias eletivas que ocorrem por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) no local. O motivo da suspensão é, segundo o próprio hospital, uma dívida de R$ 15 milhões, devido à falta de repasse do Governo do Estado e da Prefeitura Municipal de Mossoró (PMM). 

Desse valor total, 60% é referente ao débito do Governo do Estado e os 40% seriam o débito do Município. Ainda de acordo com o Hospital Wilson Rosado, a dívida da PMM ocorre porque há dois anos, o Município não paga a complementação dos serviços. O HWR afirma que há 60 dias o Governo do Estado pagou o “tcep” (cooperação entre Estado e Município, em que o Estado complementa com 60%), mas até ontem (11) o repasse não foi feito pelo Município.
 
O comunicado feito pelo hospital informa que os atendimentos da UTI pediátrica devem ser suspensos ainda nesta semana, caso não seja feito nenhum repasse por parte do Estado e do Município. Informou ainda que a previsão é de que as cirurgias ortopédicas e cardíacas também sejam suspensas, mas na próxima semana. Apenas as cirurgias oncológicas serão mantidas, até segunda ordem, uma vez que o hospital entende os problemas gerados com a suspensão desse serviço. 

“Em razão das nossas dificuldades, da exaustão financeira do HWR, resolvemos tomar algumas providências: 1) suspensão do atendimento da UTI pediátrica, ainda nesta semana; 2) suspensão das cirurgias cardíacas na próxima semana, após comunicar aos profissionais; 3) suspensão das cirurgias ortopédicas na próxima semana; 4) as cirurgias oncológicas serão mantidas até segunda ordem, pois entendemos que sua suspensão gera danais irreparáveis”, informava a nota emitida pelo Hospital Wilson Rosado. 

A reportagem do JORNAL DE FATO entrou em contato com as Secretarias Municipal e Estadual de Saúde para averiguar soluções para esse problema. Até o fechamento desta edição, apenas a Secretaria Municipal de Saúde respondeu a reportagem, informando que tem conhecimento sobre um débito com o HWR, mas que não conseguia ter os números exatos neste primeiro momento. A Secretaria de Saúde disse ainda que não foi comunicada sobre a decisão do hospital de suspender os serviços, que são essenciais para o funcionamento do SUS. 

“A Secretaria não foi comunicada sobre a decisão de Hospital Wilson Rosado sobre a suspensão dos serviços. Existe realmente um débito, mas não tenho como afirmar sobre o valor exato, porque dependo de números, que foram solicitados, mas ainda não chegaram. Vale lembrar que a maior parte da dívida é do Governo do Estado”, informou a assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Saúde. 

PAM do Bom Jardim deverá realizar cerca de 800 exames por mês 
Após um trabalho intenso da Secretaria de Saúde na busca por sempre ofertar bons serviços na rede municipal, mesmo com dificuldades de todas as ordens, os exames de raios-X voltam a acontecer no Centro Clínico Professor Vingt-un Rosado (Pam do Bom Jardim). A partir desta semana, as Unidades Básicas de Saúde já estão podendo agendar os exames radiográficos. 

Enquanto o equipamento de raios-X estava em manutenção, a população não estava sendo prejudicada porque o Município contratou o Instituto de Mama para auxiliar na realização desses exames. A secretária de Saúde, Saudade Azevedo, visitou o equipamento de raios-X do PAM para conferir o serviço e ouvir a opinião dos técnicos, que afirmaram estar satisfeitos com o trabalho. Saudade reforçou que vinha trabalhando desde que chegou a Mossoró para melhorar esse serviço. 

“Colocar o equipamento de raios-X do PAM para funcionar foi um grande desafio. Mas eu gosto de desafios. Eu queria ter resolvido essa situação há muito tempo, mas não foi tão fácil. Quem está fora, pode pensar que sim, mas quem vive o SUS, sabe dos desafios”, afirmou Saudade. 

Desde a última semana do mês de maio que o equipamento de raios-X estava consertado, mas por uma questão de zelo e responsabilidade com o mossoroense, a Secretaria de Saúde preferiu deixar esses dias de teste para ter certeza que o aparelho está apto a funcionar. Agora, por mês, vai ser possível realizar uma média de 800 exames radiográficos. 

Para que o equipamento de raios-X pudesse funcionar de fato, a Secretaria de Saúde teve de trocar toda a rede elétrica do PAM do Bom Jardim, uma vez que a anterior não suportava o pique de atendimento e acabava por danificar o aparelho. Também colocou um ar-condicionado novo na sala do equipamento. De acordo com o Setor de Manutenção, a nova rede tem mais condições técnicas para assegurar uma constância e qualidade no fornecimento de energia elétrica.

DeFato

“The Intercept”: Conselho Nacional de Justiça arquiva representação contra Sérgio Moro

O corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, arquivou uma representação do Partido Democrático Trabalhista (PDT) contra o ex-juiz federal e hoje ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro , no Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O pedido foi feito por conta dos diálogos divulgados pelo site de notícias “The Intercept” entre Moro e integrantes da força-tarefa da Lava Jato.
Segundo o site de notícias, Moro deu orientações ao procurador Deltan Dallagnol sobre como atuar em processos da Lava-Jato, inclusive em um que investigava o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Para o PDT, tais diálogos “levantam dúvidas sobre a probidade da conduta do então julgador”, e apontariam para a “ausência de imparcialidade e ética”. Moro condenou Lula em primeira instância no caso do tríplex. A sentença foi confirmada pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4).
Martins, no entanto, considerou que a condição atual de Moro, que pediu exoneração do cargo de juiz para assumir a vaga de ministro da Justiça do governo Bolsonaro, torna inócua qualquer apuração sobre sua conduta como magistrado no âmbito do CNJ. Dessa forma, um eventual procedimento-administrativo disciplinar não teria qualquer utilizada, segundo o corregedor.
De acordo com ele, cabe procedimento disciplinar contra quem deixou de ser juiz em razão da aposentadoria, seja ela voluntária ou compulsória em razão da idade, pois ainda existe um vínculo institucional entre o magistrado e Judiciário. Mas, no caso de Moro, que pediu exoneração, não se aplica a apuração de conduta.
Ele explicou ainda que não cabe nem mesmo argumentar que o procedimento poderia produzir provas importantes para ações do Ministério Público, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) ou em qualquer outra instância. Isso porque, segundo ele, a utilização por outros órgãos de elementos produzidos em procedimentos instaurados pelo CNJ não pode servir de fundamento único para sua atuação.
Já o procurador da República, Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, tornou-se alvo de reclamação disciplinar no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). O corregedor nacional, Orlando Rochadel, determinou que Deltan, em nome da força-tarefa da Lava-Jato, preste esclarecimentos por escrito, em dez dias, sobre as conversas divulgadas pelo Intercept.
Em seguida, a corregedoria decidirá se é o caso de arquivar o procedimento ou convertê-lo em um processo disciplinar. Dentre as punições previstas estão, inclusive, a aposentadoria compulsória. Em seu despacho, Rochadel cita que os diálogos entre os procuradores podem representar “desvio de conduta”.  
Informações O Globo

domingo, 9 de junho de 2019


O Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado, 8, traz o decreto nº 28.914, de 07 de junho de 2019, que autoriza o Estado do Rio Grande do Norte a conceder remissão de crédito tributário ao Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) para motos. O documento divulgado hoje regulamenta a Lei Estadual nº 10.507, 10 de maio de 2019, publicada em 11 de maio deste ano.

A medida se “aplica aos créditos de IPVA e de Taxa de Licenciamento Anual de Veículo vencidos até 31 de dezembro de 2018, incidentes sobre motocicletas ou motonetas de até 150 cc (cento e cinquenta cilindradas), ainda que adquiridos na modalidade de arrendamento mercantil ou leasing”.

Segundo o governo, a nova legislação só poderá ser aplicada para quem efetuar o pagamento de todas as taxas referentes a 2019, incluindo o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT), que é de competência da União.

Levantamento do Governo do Estado mostra que 280 mil motociclistas dos 440 mil existentes em todo o estado estão irregulares por falta de pagamento referente às taxas de impostos e seguros. Considerando que a maior parte dessa frota, na faixa de 160 mil motos, é composta por veículos até 150 cilindradas, a governadora Fátima Bezerra e equipe, após amplo debate, consideraram a possibilidade de remissão da dívida do IPVA para esses proprietários que estão com seus veículos irregulares.

Por outro lado, a lei – que poderá ajudar a recuperar até R$ 14 milhões na arrecadação anual do Estado - abre caminho para que a Secretaria de Tributação (SET) renove as expectativas de arrecadação de impostos pelo simples fato de que o beneficio só poderá ser concedido para quem pagar o IPVA e outras taxas de 2019, que são pagas ao Detran-RN e à União.

Leia íntegra do decreto:

DECRETO Nº 28.914, DE 07 DE JUNHO DE 2019.

Regulamenta a Lei Estadual nº 10.507, de 10 de maio de 2019, que autoriza o Estado do Rio Grande do Norte a conceder remissão de crédito tributário relativo ao Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) nas hipóteses que especifica e dá outras providências.

A GOVERNADORA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE, no uso das atribuições que lhe confere o art. 64, V e VII, da Constituição Estadual, e com fundamento na Lei Estadual nº 10.507, de 10 de maio de 2019,

D E C R E T A:

Art. 1º Este Decreto regulamenta a Lei Estadual nº 10.507, de 10 de maio de 2019, que autoriza o Estado do Rio Grande do Norte a conceder remissão de crédito tributário relativo ao Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) nas hipóteses que especifica e dá outras providências.

Art. 2º A remissão de que trata este Decreto abrange os seguintes créditos tributários estaduais:

I - Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), independente de inscrição na Dívida Ativa do Estado ou de estar sendo objeto de execução fiscal; e

II - Taxa de Licenciamento Anual de Veículo.

§ 1º A remissão de que trata o caput somente se aplica aos créditos de IPVA e de Taxa de Licenciamento Anual de Veículo vencidos até 31 de dezembro de 2018, incidentes sobre motocicletas ou motonetas de até 150 cc (cento e cinquenta cilindradas), ainda que adquiridos na modalidade de arrendamento mercantil ou leasing.

§ 2º Para os fins deste Decreto, considera-se crédito tributário a soma do imposto, das multas, da atualização monetária, dos juros de mora e dos acréscimos previstos na lei.

Art. 3º A remissão de que trata este Decreto somente pode ser concedida a contribuintes pessoas naturais que:

I - estejam regulares com o IPVA e a Taxa de Licenciamento Anual de Veículo relativos ao exercício de 2019;

II - estejam regulares com o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT);

III - não possuam impedimento no Registro Nacional de Veículos Automotores (RENAVAM).

Parágrafo único. Cada contribuinte só poderá se beneficiar com a remissão de que trata este Decreto em relação a um veículo, nas seguintes condições:

I - havendo mais de um veículo passível de ser objeto de remissão, o benefício será concedido em relação ao que primeiro atender às condições para sua fruição;

II - havendo mais de um veículo que atenda simultaneamente às condições para fruição do benefício, a remissão será concedida para o último veículo adquirido pelo contribuinte.

Art. 4º A remissão prevista neste Decreto será concedida automaticamente, desde que atendidas as exigências estabelecidas neste diploma legal, a partir das informações alimentadas pelos órgãos competentes no sistema de banco de dados do Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Norte (DETRAN/RN), dispensada a apresentação de requerimento pelo proprietário do veículo.

Parágrafo único. A remissão só será concedida depois de encerrado o prazo para pagamento dos débitos previstos no art. 3º deste Decreto, exceto na hipótese de antecipação do pagamento pelo contribuinte.

Art. 5º A remissão de que trata este Decreto também se aplica ao saldo remanescente de parcelamento em curso, não conferindo ao contribuinte beneficiado qualquer direito à restituição ou compensação das importâncias já pagas.

Art. 6º Para fins do direito à renovação de licenciamento do veículo objeto da remissão, devem ser observadas as disposições contidas em legislação específica sobre a matéria.

Art. 7º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir de 10 de junho de 2019 a 31 de dezembro de 2019.

Palácio de Despachos de Lagoa Nova, em Natal/RN, 07 de junho de 2019, 198º da Independência e 131º da República.

FÁTIMA BEZERRA

Carlos Eduardo Xavier

DeFato

Najila afirma à Polícia que perdeu íntegra de vídeo com Neymar; dona de imóvel diz que ela mentiu sobre arrombamento

A modelo Najila Trindade Mendes de Souza disse à Polícia Civil durante depoimento na sexta-feira, 7, que não tem mais a íntegra do vídeo que comprovaria a agressão cometida por Neymar contra ela durante encontro em Paris no último mês. Segundo informações do Jornal Nacional, da TV Globo, a possível vítima do crime explicou que as imagens estavam em um tablet que foi furtado de dentro do seu apartamento na última quinta-feira, 6.

A suposta agressão de Neymar contra Najila teria sido cometida durante um segundo encontro do casal em um quarto de hotel em Paris. Os momentos entre os dois foram gravados em um celular, em um ato planejado pela modelo para comprovar que no dia anterior o jogador também havia batido nela. Nos últimos dias, um vídeo desse encontro vazou e mostrava que a mulher brigava e batia no atacante.

Porém, o material tinha somente um minuto de duração. A íntegra do conteúdo seria de sete minutos. O arquivo estava salvo em um tablet deixado na casa de Najila. Porém, durante o depoimento para a delegada Juliana Lopes Bussaco, a possível vítima explicou que o apartamento onde mora foi arrombado na quinta-feira e que os ladrões teriam levado além do tablet, um relógio e uma quantia em dinheiro guardada em uma bolsa.

No entanto, um setor da Polícia especializado em impressões digitais vasculhou o imóvel onde Najila mora e só encontrou no local apenas as marcas dos dedos da própria moradora e da empregada doméstica. A modelo ficou na delegacia durante seis horas e como passou mal durante a conversa, foi levada a um hospital após a oitiva. Ela já foi liberada.

Ao receberem a informação de Najila de que o tablet com o vídeo da agressão de Neymar foi furtado, os investigadores questionaram se ela tinha o arquivo salvo em outro servidor ou em disco rígido virtual. A modelo não soube responder a essa pergunta.

Dona do imóvel desmente arrombamento
A declaração feita pela modelo Najila Trindade de que seu apartamento foi arrombado, foi rebatida pela proprietária do imóvel.

Em entrevista à ESPN, Verena Fiori, que aluga o apartamento para Najila, disse que a funcionária da modelo deixou a porta aberta de propósito. Segundo ela, a ação foi gravada pelas câmaras de segurança do prédio.

“Sobre o arrombamento do imóvel, isso é mentira. A empregada deixou a porta aberta de propósito e as câmeras de segurança do prédio pegaram”, afirmou.
“A polícia foi acionada e a empregada intimada a depor. A administração do edifício vai fazer boletim de ocorrência também”, acrescentou.


Verena Fiori informou que acionou Najila Trindade na Justiça por não pagamento de aluguel. Segundo ela, uma ordem de despejo já foi emitido para a inquilina. 

Informações Estadão

sexta-feira, 7 de junho de 2019

Trios já se posicionam no Corredor Cultural para o Pingo da Mei Dia

Já está quase tudo pronto para o Pingo da Mei Dia, que abre o Mossoró Cidade Junina 2019. Na manhã de quinta-feira, 6, os trios elétricos começaram a chegar e já estão sendo posicionados na Avenida Rio Branco. O primeiro a chegar foi o Trio Backstage e até a manhã desta sexta-feira, 7, todos já estarão posicionados ao lado da Estação das Artes Elizeu Ventania.
Os trios devem passar por vistoria do Corpo de Bombeiros ainda nesta sexta-feira.
A programação do Pingo da Mei Dia será iniciada pontualmente às 12h deste sábado, 8.
12h – Forró com Ella – Trio Zueira
12h – Nataly Vox – Trio Absolut
12h – Núzio Medeiros – Trio Backstage
14h – Saia Rodada – Trio Oxigênio
15h – Renata Falcão – Trio Absolut
15h – Forró dos 3 – Trio Backstage
15h – Renno – Trio Zuera
17h – Aline e Dayvid – Trio Oxigênio
18h – André Luvì – Trio Absolut
18h – João Neto Pegadão – Trio Zueira
18h – Giannini Alencar – Trio Backstage
20h – Mozão – Trio Oxigênio

Bancários do RN aderem à greve geral no dia 14 de junho

Os bancários do RN, reunidos em assembleia nesta quinta-feira (6), decidiram por aderir a Greve Geral de 14 de junho que vem sendo organizada por trabalhadores de todo o país para barrar a Reforma da Previdência. Na sexta, 14, nenhuma agência bancária deverá funcionar.

Os bancários potiguares entendem que o que está em jogo é o fim do direito a aposentadoria. “Assim como a Reforma Trabalhista não gerou empregos, a Reforma da Previdência não irá resolver os problemas econômicos do país”, diz o Sindicato. A luta, segundo os bancários, é ainda contra o desemprego, o desmonte do serviço público e da educação.

Não haverá expediente durante todo o dia nos bancos e a partir das 15h a categoria se junta aos demais manifestantes em passeata que terá concentração no calçadão do Midway e seguirá em direção a árvore de Mirassol.

Copa na França: presença de Marta ainda não é certa no jogo de estreia no domingo


A seleção feminina de futebol, que já está e Grenoble, na França, para disputar a Copa do Mundo, treina nesta quinta-feira (6) no Stade Paul Bourgeat, que fica perto do hotel onde a delegação brasileira está hospedada.

A atacante Marta permanece em tratamento na fisioterapia para se recuperar de uma lesão muscular na coxa esquerda. A atleta ainda não tem a sua presença garantida no jogo de estreia do Brasil na competição contra a Jamaica, no próximo domingo (9), às 10h30.

O time comandado pelo treinador Vadão (Oswaldo Fumeiro Alvarez) chegou no início da noite dessa quarta-feira(5), em Grenoble, procedente de Portimão, em Portugal, onde cumpriu um período de preparação.

No desembarque, a seleção foi recepcionada por crianças e autoridades francesas, entre elas, o prefeito de Grenoble, Éric Piolle.

A meia Thaisa, que participa de sua segunda Copa do Mundo, a primeira foi no Canadá, em 2015, foi impressionada com o carinho dos franceses. “É de arrepiar, você chega e tem essa recepção maravilhosa que a gente teve aqui, foi de arrepiar. Agora estamos aqui e vamos com tudo”, disse.